QUEM FALA O QUE QUER, OUVE O QUE NÃO QUER…

Aconteceu na PUC-RS.

Uma professora universitária estava acabando dedar as últimas orientações para os alunos a cerca da prova final que ocorreria no dia seguinte.

Finalizou alertando que não haveria desculpas para a falta de nenhum aluno, com exceção de um grave ferimento, doença ou a morte de algum parente próximo.

Um engraçadinho que sentava no fundo da classe, perguntou com aquele velho ar de cinismo: ‘Dentre esses motivos justificados, podemos incluir o de extremo cansaço por atividade sexual?

‘A classe explodiu em gargalhadas, com a professora aguardando pacientemente que o silêncio fosse restabelecido.

Tão logo isso ocorreu, ela olhou para o palhaço e respondeu:

“Isto não é um motivo justificado. Como a prova será em forma de múltipla escolha, você pode vir para a classe e escrever com a outra > >mão…ou, se não puder sentar-se, pode respondê-la em pé.”

(Fato verídico)

About these ads

Sobre escatambulo
Geminiano, Concurseiro, faço blogs para para divertir e ajudar as pessoas a realizar seus sonhos

One Response to QUEM FALA O QUE QUER, OUVE O QUE NÃO QUER…

  1. Relacionista disse:

    Olá, como vai?
    Não precisa agradeder, pois somente assim podemos provar que ainda existem pessoas corretas, não é verdade?!
    Obrigada pela visita e volte sempre!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 28 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: